Ministério do Esporte Pará de Minas recebe, a partir desta sexta (21.06), as Surdolimpíadas Brasil 2019
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações:  (61) 3217-1875E-mail:O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Pará de Minas recebe, a partir desta sexta (21.06), as Surdolimpíadas Brasil 2019

Congresso Técnico definiu os detalhes da competição que tem início nesta sexta (21.06). Fotos: Gustavo Cunha/rededoesporte.gov.brCongresso Técnico definiu os detalhes da competição que tem início nesta sexta (21.06). Fotos: Gustavo Cunha/rededoesporte.gov.br

O município de Pará de Minas (MG) se torna, a partir desta sexta-feira (21.06), o centro das atenções do esporte para atletas com deficiência auditiva. A cidade de 92 mil habitantes a 80 quilômetros de Belo Horizonte recebe, até domingo (23.06), a segunda edição nacional das Surdolimpíadas, competição que vai reunir 315 atletas de 14 Unidades Federativas na disputa de 11 modalidades.

A abertura oficial será a partir das 8h desta sexta-feira, 21.06, no Clube Praça de Esportes, em Pará de Minas. O ministro da Cidadania, Osmar Terra, e a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, estão confirmados na solenidade, assim como autoridades nacionais, estaduais e locais.

Representantes de Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, Santa Catarina e São Paulo estão inscritos. Nos bastidores, há 40 profissionais de apoio e 11 integrantes da comissão organizadora.  Já nesta quinta-feira (20.06), a cidade recebeu os congressos técnicos. As competições serão entre sexta e domingo, em quatro instalações na cidade mineira.

Para dar suporte à realização do evento, a Secretaria Especial do Esporte celebrou um termo de fomento com a Confederação Brasileira de Surdos (CBDS), no valor de R$ 130 mil. As competições incluem disputas de atletismo, badminton, basquete, futebol, handebol, judô, caratê, natação, tênis de mesa, vôlei e xadrez.

A primeira edição de Olimpíadas de Surdos do Brasil foi realizada em maio de 2002, na cidade de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, com a participação de cerca de 1.500 surdoatletas, de nove estados.

Os deficientes auditivos são um público historicamente atendido pelo Bolsa Atleta, programa da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania. Entre 2010 e 2016, houve 118 bolsas concedidas para surdoatletas, num investimento de R$ 2,5 milhões em 111 bolsas da categoria internacional e sete da categoria nacional. Com o reforço de R$ 70 milhões no orçamento do programa, anunciado em abril deste ano, a pasta pretende lançar, ainda em 2019, novo edital para modalidades não olímpicas e não paralímpicas, o que contempla atletas surdos.

Letreiro na entrada da cidade, Santuário e Cristo Redentor: marcas de Pará de MinasLetreiro na entrada da cidade, Santuário e Cristo Redentor: marcas de Pará de Minas

SERVIÇO

Surdolimpíadas
Data: 20 a 23 de junho
Local: Pará de Minas (MG)
Abertura: 21 de junho, a partir das 8h, no Clube Praça de Esportes do Pará, na Av. Presidente Vargas, nº 625 – Vila Raquel, em Pará de Minas - MG

 
 
Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla