Ministério do Esporte COB realiza Congresso Olímpico Brasileiro neste sábado (13) com a presença de referências da gestão esportiva internacional
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações:  (61) 3217-1875E-mail:O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

COB realiza Congresso Olímpico Brasileiro neste sábado (13) com a presença de referências da gestão esportiva internacional

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) realiza a primeira edição do Congresso Olímpico Brasileiro neste sábado (13.04), de 8h às 18h, no WTC Events Center, em São Paulo. Destinado a gestores, treinadores e profissionais das ciências do esporte, o evento comemora os 10 anos do Instituto Olímpico Brasileiro, área de Educação do COB.

O Congresso Olímpico tem como tema a Gestão Esportiva de Alto Impacto – Estratégias para Resultados Efetivos, e traz para o Brasil personalidades internacionais de referência no segmento para promover um pensamento conjunto sobre os atuais desafios do esporte olímpico no país. Além das palestras, haverá espaços de exposição, vivência e troca de conhecimento, entre outras experiências.

“O Congresso vai discutir temas de alta relevância como a identificação e o desenvolvimento de atletas e os sistemas de gestão esportiva de países de referência, assuntos que poderão gerar impactos positivos em toda a cadeia esportiva. Tenho certeza de que essa será uma grande oportunidade para aqueles que os profissionais ligados ao esporte possam receber o conhecimento de relevância para o prosseguimento de suas carreiras”, explicou Rogério Sampaio, diretor geral do COB e medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos Barcelona 1992.

Entre os participantes estrangeiros, Bob Bowman, treinador principal da equipe de natação da Arizona State University, quatro vezes treinador olímpico e treinador pessoal de Michael Phelps; Chelsea Warr, diretora de Performance da Agência de Esportes do Reino Unido; Maurits Hendriks, diretor de Alta Performance do Time Holanda do Comitê Olímpico Holandês; Chris O’Brien, vice-diretor de Performance do Instituto de Esportes da Austrália; Michael Vesper, consultor Sênior do Comitê Olímpico Internacional; e Aaron Coutts.

Entre os brasileiros, Bernardinho, treinador bicampeão olímpico de voleibol; Jorge Bichara, diretor de Esportes do COB; Renato Rocha, pesquisador da Academia Austríaca de Ciências; Roberto Nahon, coordenador de Ações Médicas do COB; entre outros.

De 8h às 9h, estarão funcionando as atividades práticas e exibições, onde participantes poderão vivenciar testes no estande do Laboratório Olímpico do COB, que foi criado para auxiliar na melhoria do desempenho dos atletas brasileiros a partir do suporte científico às modalidades olímpicas e da pesquisa e desenvolvimento no esporte. Paralelamente também acontecem exposições para proporcionar uma oportunidade de interação com o esporte através de memória, fotografias, imagens e teses que impactaram o segmento. Uma experiência para agregar conhecimento de forma lúdica e criativa.

A abertura oficial do evento acontece de 9h às 10h. Em seguida começa a plenária que vai até 12h45, quando terá um intervalo de duas horas. No intervalo voltam as atividades prática e vivências, retornando para palestras às 14h45. Todas as palestras acontecem simultaneamente. O participante ao fazer sua inscrição optou pelo segmento gestor, treinador ou ciência do esporte. Já as atividades e vivências poderão ser acompanhadas pelo aplicativo do Congresso Olímpico Brasileiro no próprio celular do participante.

Criado em 2009, o Instituto Olímpico Brasileiro tem como principal objetivo gerar e difundir conhecimento ao promover uma formação profissional de alta qualidade por meio de programas de capacitação e desenvolvimento. Ao longo de dez anos, o Instituto Olímpico Brasileiro já formou mais de 3 mil profissionais em 67 cursos, com um total de mais de 10 mil horas/aula.

Fonte: Comitê Olímpico do Brasil
 

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla