Ministério do Esporte Em seu segundo dia, encontro técnico organizado por ME e UFMG debate educação e lazer
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE
Ministério do
Esporte

 
Conheça os principais programas e ações do Ministério do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Em seu segundo dia, encontro técnico organizado por ME e UFMG debate educação e lazer

Foto: Jéssica Romero – Ascom/EEFFTO/UFMGFoto: Jéssica Romero – Ascom/EEFFTO/UFMG

O tema educação foi o eixo central do Encontro de Formação das equipes técnicas dos programas Esporte e Lazer da Cidade (PELC) e Vida Saudável (VS) durante a manhã desta quinta-feira (27.04), que está sendo realizado no Hotel Mercure, no bairro de Lourdes, em Belo Horizonte, em uma parceria da Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social do Ministério do Esporte (Snelis) e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Em seu segundo dia de programação o evento, os participantes discutiram sobre educação de base, educação à distância e a aplicação dos programas em comunidade. O evento segue até o dia 28.

Para falar sobre o esporte enquanto agente transformador na escola, o encontro trouxe como convidado externo o professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Marco Antônio Santoro. O pesquisador estuda diferentes campos da educação básica e falou sobre sua experiência prática na escola pública.

“Eu acredito no poder do esporte e do lazer em ajudar no resgate da identidade dos alunos, para que tenham autoestima, segurança e autonomia para serem cidadãos críticos e transformadores da sociedade”, explica.

A programação da manhã também contou com a participação da Supervisora da Educação à Distância (EAD) do PELC UFMG, Eliene Lopes Faria, que apresentou um panorama da EAD no Brasil e o esporte enquanto elemento cultural e de aprendizagem. 

Além disso, a formação trouxe a perspectiva de um dos formadores do PELC no Rio Grande do Sul, Gilmar Tondim. Para ele, refletir sobre a formação dos educadores sociais do programa é um passo fundamental para melhoria das políticas públicas do lazer. “Um espaço como esse permite que sejamos menos tecnicistas, pois aqui podemos trocar experiências a partir do cotidiano de vários estados e realidades diferentes”, disse.

No período da tarde as equipes participam de debates em grupos e apresentação de relatos.

O PELC e o VS são programas desenvolvidos pela Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social (Snelis). O PELC objetiva proporcionar a prática de atividades físicas, culturais e de lazer que envolvem todas as faixas etárias e pessoas portadoras de deficiência. Já o Programa Vida Saudável estimula a prática de exercícios físicos, atividades culturais e de lazer para idosos.

Fonte: Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional - UFMG

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla