Ministério do Esporte Esporte e educação são tema de seminário na Casa Brasil
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Esporte e educação são tema de seminário na Casa Brasil

A Casa Brasil recebeu na tarde do sábado (20.08) o seminário "Esporte Educacional: Programas Estratégicos", realizado pela Secretaria de Esporte, Lazer e Inclusão Social (SNELIS) do Ministério do Esporte. O objetivo foi mostrar a importância do esporte educacional na formação de crianças e jovens, apresentando diversas ações estratégicas.
 
Projeto Segundo Tempo foi destaque em Seminário sobre esporte e educação. (Foto: Rafael Azeredo/Casa Brasil)Projeto Segundo Tempo foi destaque em Seminário sobre esporte e educação. (Foto: Rafael Azeredo/Casa Brasil)
 
O projeto Segundo Tempo, o primeiro divulgado no evento, é um dos maiores programas do gênero em nível mundial e já atendeu, aproximadamente, 4 milhões de crianças e adolescentes. Mais de 29.700 profissionais foram treinados presencialmente. "Através deste projeto, buscamos apresentar a vida para as crianças e jovens através do esporte", disse o doutor em Educação Física, Amauri Bassoli. Na sequência, o coordenador-geral de Avaliação de Convênios do Ministério do Esporte, Célio René, conversou com o público sobre lutas, esportes de combate e defendeu a arte marcial como elemento pedagógico.
 
O professor Ormandino Barcelos, conhecido por ser um dos maiores responsáveis pela identificação de talentos do atletismo entre crianças, jovens e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, também palestrou e apresentou seu programa social. Ele afirmou que acredita na capacidade de superação através do esporte e no seu poder de influenciar a vida de jovens e crianças. "Não existe o impossível quando se tem um ideal. Enquanto nos emocionamos com o que fazemos, é possível", disse, entusiasmado, ao falar sobre a influência de seu projeto na vida de crianças e jovens e na formação deles como cidadãos.
 
O comandante da Marinha, José Reis, concordou com o professor Ormandino e ainda complementou que todos estes projetos sociais, que buscam o esporte como um dos alicerces da educação, permitirão que o Brasil ainda se torne uma potência olímpica. José Reis acredita na possibilidade que verdadeiros atletas de alto rendimento sejam identificados muito cedo. "Acredito na transformação do Brasil em um país melhor do que hoje, por meio de um esforço conjunto, de todas as esferas e por meio do esporte", salientou o comandante.
 
O último palestrante da tarde foi Luis Fernando de Paula, que buscou abordar a real importância dos valores psicológicos para os esportistas. O ex-atleta, que também recebeu auxílio de programas sociais no início de sua carreira, diz acreditar muito no que um projeto social faz na vida de um cidadão. "Eu sou prova disso", afirmou, encerrando o evento.
 
Ascom – Ministério do Esporte
 
 
Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla