Ministério do Esporte Ministros do Esporte de Brasil e Cabo Verde visitam em Fortaleza centro de treinamento que atende a 27 modalidades
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE
Ministério do
Esporte

 
Conheça os principais programas e ações do Ministério do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Ministros do Esporte de Brasil e Cabo Verde visitam em Fortaleza centro de treinamento que atende a 27 modalidades

Fotos: Paulo RossiFotos: Paulo Rossi
 
Complexo esportivo de quase 86 mil metros quadrados, que oferece estrutura de treinamento e de competição para 26 modalidades olímpicas e paralímpicas, além do futsal, o Centro de Formação Olímpica e Paralímpica (CFO), em Fortaleza, recebeu nesta quinta-feira (18.10) a visita dos ministros do Esporte do Brasil, Leandro Cruz, e de Cabo Verde, Fernando Elísio. A comitiva do país africano, que chegou ao Rio de Janeiro na segunda-feira (15.10) para conhecer um pouco da infraestrutura e dos programas socioesportivos brasileiros, encerrou no Ceará a viagem oficial.
 
Na capital fluminense, Fernando Elísio – também ministro dos Assuntos Parlamentares e da Presidência do Conselho de Ministros de Cabo Verde – conheceu o Centro de Capacitação Física do Exército (CCFEx), o Maracanã, o Parque Olímpico da Barra e o núcleo do Programa Forças no Esporte/Segundo Tempo no Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo, da Marinha. Em Fortaleza, visitou também o Estádio Castelão, em frente ao CFO.
 
Como resultado da viagem oficial, Cabo Verde e Brasil planejam um termo de cooperação que poderá ser assinado em novembro, quando Leandro Cruz pretende retribuir a visita. Elísio mostrou interesse em desenvolver no país lusófono da costa ocidental da África parcerias similares às que os ministérios do Esporte e da Defesa realizam no Brasil, tanto em programas sociais quanto no apoio a atletas de alto rendimento. A capacitação técnica e a troca de experiências entre profissionais dos dois países são outros itens da pauta bilateral. 
 
No momento em que os ministros conferiam a estrutura do CFO em Fortaleza, era realizada no complexo a etapa nacional dos Jogos dos Institutos Federais, reunindo mil atletas-estudantes de 24 estados e do Distrito Federal em competições de 11 modalidades. O ministro cabo-verdiano se disse impressionado com o alto nível das dependências esportivas, que incluem o maior ginásio multiuso climatizado do Brasil, piscinas olímpicas e de saltos ornamentais, campo de futebol, pistas de atletismo, skate e bicicross BMX, ginásios e salas para ginástica artística, boxe e artes marciais, quadras de vôlei de praia e de tênis, além de hotel, praça da alimentação, alojamento para 248 atletas e heliponto para dois helicópteros.
 
“Vamos realizar no ano que vem em Cabo Verde os Jogos Africanos de Esportes de Praia. Conhecer este complexo em Fortaleza é uma grande oportunidade para colher informações importantes e utilizá-las no desenvolvimento de nosso desporto”, avaliou Elísio.
 
Leandro Cruz comemorou o fato de uma estrutura que integra a Rede Nacional de Treinamento, montada pelo Ministério do Esporte em todas as regiões do país, estar sendo bem utilizada: “É uma alegria ver o CFO cheio de gente, desde jovens atletas competindo em um campeonato nacional até pessoas da terceira idade praticando atividades físicas. Este complexo é um orgulho para o Nordeste e para o Brasil”.
 
O secretário de Esportes do Estado do Ceará e gestor do CFO, Euler Barbosa, destacou que o ginásio multiuso, com capacidade para 17,1 mil torcedores e 20 mil espectadores no “modo show” – quando são usadas cadeiras retráteis –, é a casa da equipe Basquete Cearense nos jogos do Novo Basquete Brasil (NBB) e recebe rotineiramente grandes lutas de UFC. Barbosa informou que, em 2017 e 2018, foram realizados 150 eventos no CFO como um todo, com a participação de mais de 32 mil atletas de 24 modalidades e público de 140 mil pessoas.
 
Estádio da Copa
Sede de dois jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo de 2014, o Castelão encerrou a agenda da comitiva cabo-verdiana. A vice-governadora do Ceará, Ezolda Cela, mostrou aos ministros e ao embaixador de Cabo Verde, Domingos Mascarenhas, algumas dependências do estádio, como o museu, os vestiários e o campo de futebol.
 
Representantes dos três principais clubes de futebol do estado – Ceará, Fortaleza (que completou 100 anos nesta quinta-feira) e Ferroviário – foram ao Castelão e presentearam os ministros com camisas de seus times. Ezolda Cela ressaltou que o Ceará, com voo direto para Cabo Verde de três horas e meia de duração, tem um papel importante no fortalecimento da parceria entre os dois países.
 
Paulo Rossi, de Fortaleza – Ministério do Esporte
Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla