Ministério do Esporte Para ministro do Esporte, integração de estruturas esportivas de alto rendimento é próximo desafio
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE
Ministério do
Esporte

 
Conheça os principais programas e ações do Ministério do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Para ministro do Esporte, integração de estruturas esportivas de alto rendimento é próximo desafio

A integração de estruturas esportivas consolidadas em todo o país para receber atletas de alto rendimento em um amplo leque de modalidades é a prioridade de gestão do governo federal para o início do ciclo olímpico rumo a Tóquio 2020. O ministro do do Esporte, Leonardo Picciani, reforçou esse conceito nesta segunda-feira (12.12), no Rio de Janeiro, durante a sexta edição do Encontro Nacional de Editores, Colunistas, Repórteres e Blogueiros (Enecob).

"O Brasil tem hoje uma rede de alto rendimento, com equipamentos de excelência por todas as regiões. Ela precisa funcionar de forma integrada e é isso que estamos buscando fazer", disse o ministro. Picciani afirmou ainda que tudo o que foi feito para o ciclo Rio 2016 resultará em melhorias permanentes. "Tenho convicção de que o Brasil terá em Tóquio 2020 um melhor resultado que no Rio, que já foi extraordinário e o melhor da nossa história em Jogos Olímpicos", afirmou.

Foto: Rafael Brais/Ministério do EsporteFoto: Rafael Brais/Ministério do Esporte

O Enecob é realizado anualmente e reúne jornalistas, autoridades políticas, esportistas e empresários de todas as regiões com o objetivo de debater temas relevantes. Picciani destacou o sucesso do Brasil como sede dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, que tirou os "pontos de interrogação" que persistiam para algumas pessoas sobre a capacidade do país em sediar megaeventos.

Neste ano, o evento tratou do legado esportivo dos Jogos Rio 2016 e contou com a presença de personalidades do esporte, como a campeã olímpica Rafaela Silva, do judô; a medalhista de bronze na maratona aquática, Poliana Okimoto; a medalhista de prata e bronze no vôlei de praia, Adriana Samuel; e o pioneiro do jiu jitsu no Brasil, Robson Gracie.

Selos

O ministro participou também do relançamento simbólico dos selos dos Jogos Rio 2016. Ao lado de Poliana Okimoto e Robson Gracie, ele obliterou as peças que trazem as imagens da tocha e dos ingressos das cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos.

Ascom - Ministério do Esporte

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla