Ministério do Esporte Casa Brasil é vitrine para o turismo internacional
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE
Ministério do
Esporte

 
Conheça os principais programas e ações do Ministério do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Casa Brasil é vitrine para o turismo internacional

O prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, e o secretário Municipal de Transporte, Rodrigo Vieira, receberam nesta terça-feira (23.08), no auditório do Rio Media Center, a imprensa para apresentar um balanço geral dos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Representando o presidente da República, Michel Temer, Padilha agradeceu a todos que colaboraram para que a realização do Rio 2016 fosse um sucesso. “O Rio de Janeiro, sem dúvida, a partir das Olimpíadas é outro Rio de Janeiro. Quero agradecer a todos os trabalhadores, desde aqueles que começaram recuperando as áreas para a instalação de todos os equipamentos e estruturas, até aqueles que colaboraram com a organização do início ao fim. Seguramente nós atingimos todas as metas”, disse.

Foto: RMCFoto: RMC

Entre as informações apresentadas, Padilha destacou a importância da Casa Brasil no mercado internacional como ferramenta para impulsionar a vinda de mais turistas, não somente para o Rio de Janeiro, mas para todo o País. “O Rio de Janeiro traduz bem o nosso país e a Casa Brasil é, a meu juízo, algo que nós todos devemos preservar”, avaliou o ministro-chefe da Casa Civil.

“Se 95% daqueles que aqui estiveram disseram que querem voltar, será que aqueles que viram os Jogos e a receptividade no Rio apenas pelos meios de comunicação não gostariam de vir também em presença física?”, indagou Padilha sobre o potencial brasileiro na capitalização do turista internacional.  

Durante o período dos Jogos Olímpicos, a Casa Brasil recebeu mais de 270 mil visitantes e teve aprovação de quase 100% dos frequentadores. Com entrada gratuita, a Casa foi projetada para ser a vitrine do Brasil no período das Olimpíadas e Paralimpíadas. “Todos os turistas, especialmente os estrangeiros, conseguiram detectar no Brasil aquilo que é o nosso maior capital: o povo brasileiro. Quase 99% dos visitantes disseram que a hospitalidade do brasileiro é absolutamente insuperável”, ratificou o ministro Eliseu Padilha.

No período entre os Jogos Olímpicos e Paralímpicos (de 22.08 a 06.09), a Casa Brasil funcionará das 14h às 20h. A partir de 7 de setembro volta a funcionar das 10h às 20h até o encerramento da Paralimpíada.

Fonte: RMC
Ascom - Ministério do Esporte

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla