Ministério do Esporte IX Edição - Recife e Olinda/2007
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE
Ministério do
Esporte

Organizado pelo Comitê Intertribal Indígena, com apoio do Ministério do Esporte, os Jogos dos Povos Indígenas têm o seguinte mote: “O importante não é competir, e sim, celebrar”. A proposta é recente, já que a primeira edição dos jogos ocorreu em 1996, e tem como objetivo a integração das diferentes tribos, assim como o resgate e a celebração dessas culturas tradicionais.


Informações: (61) 3217-1614 E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

IX Jogos dos Povos Indígenas/2007

Os Jogos dos Povos Indígenas são considerados um dos maiores encontros esportivos, culturais e tradicionais de indígenas da América. Com o objetivo central de promover a celebração e a interação entre as etnias, diferentemente das competições esportivas do homem branco, os Jogos reúnem modalidades específicas das diversas culturas representadas. Além disso, têm por finalidade fomentar a cultura de paz e incentivar, valorizar e fortalecer a prática de esportes tradicionais. Nas competições, prevalece a comemoração, pois o evento traz o lema: "o importante não é competir, mas sim celebrar".

Construído através de uma parceria entre organizações indígenas, governos e empresas, o evento representa estratégia de consolidação de uma política pública específica e diferenciada, que leva em consideração a diversidade cultural.

Sobre a IX edição dos Jogos dos Povos Indígenas

Em 2007, os Jogos dos Povos Indígenas chegam a sua nona edição. Neste ano, as cidades pernambucanas de Recife e Olinda vão sediar os Jogos, que acontecem entre os dias 24 de novembro e 1º de dezembro. A data obedece ao calendário lunar indígena, cuja abertura coincide com a lua cheia de novembro.

São esperados para participar do evento mais de mil indígenas de aproximadamente 40 etnias, vindos de todas as regiões brasileiras. Eles ficarão alojados no Ginásio Geraldão, em Recife, local onde também serão realizadas as apresentações culturais. O refeitório e o acampamento estão sendo planejados por arquitetos, a fim de criar uma estrutura parecida à de aldeias.

Já na praia do Bairro Novo, em Olinda, será montada uma arena para as modalidades esportivas. A única exceção será o futebol, que acontecerá na Orla de Brasília, no Pina, em Recife. A Praia do Bairro Novo também será o local das provas aquáticas, como canoagem e natação. Lá serão exibidas diversas canoas e maneiras de se levar o barco, já que em algumas culturas o barco é levado em pé, e em outras, sentado. Isso varia bastante conforme as águas próximas de cada aldeia, observando-se aspectos de correnteza, profundidade e vegetação.

A realização dos IX Jogos dos Povos Indígenas está a cargo do Ministério do Esporte, Comitê Intertribal - Memória e Ciência Indígena, Funai, Governo Estadual de Pernambuco, Prefeituras de Recife e Olinda, com o apoio dos ministérios da Educação, Justiça, Cultura, da Funasa, Caixa Econômica Federal e de mais cinco lideranças indígenas.

 

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla